Portal Tudo - tudo.com.vc

Saúde

Projeto de pesquisa vírus zika precisa de voluntários

Projeto de pesquisa vírus zika precisa de voluntários
  • Compartilhe

O projeto de pesquisa “Infecção vertical pelo vírus zika e suas repercussões na área materno-infantil”, desenvolvido pela Faculdade de Medicina de Jundiaí (FMJ) e Hospital Universitário (HU), em parceria com a Universidade de São Paulo (USP), precisa de voluntários. A atividade é simples: consiste em realizar a triagem de gestantes interessadas em participar do projeto, realizar contato telefônico semanal para monitorar a saúde das gestantes e, na medida em que vão nascendo, acompanhar o desenvolvimento dos bebês e preencher formulário com tais dados. O trabalho voluntário é desenvolvido no próprio HU pelo período de quatro horas semanais.

O interessado é que define qual o melhor período para ajudar (manhã, tarde ou noite).

Antes de iniciar as atividades, os voluntários passam por um treinamento de capacitação. Podem ser voluntários: estudantes, profissionais já formados na área de saúde ou em outras áreas, aposentados, donas de casa e todos que tiverem interesse em colaborar.

A idade mínima é 18 anos.

Os interessados devem fazer inscrições pelo telefone (11)4527-5700, no ramal 820.

A pesquisa

O projeto “Infecção vertical pelo vírus zika e suas repercussões na área materno-infantil” foi iniciado em março de 2016, por meio da FMJ e HU, em parceria com a USP.

Com esta iniciativa, Jundiaí passou a integrar um dos 28 pólos de pesquisa do vírus zika no estado se São Paulo.

A ação reúne 600 mães e 250 bebês.

O principal objetivo é investigar a transmissão do Zika em gestantes e suas repercussões nas crianças.

As mães realizam exames de sangue, saliva e urina e são acompanhadas semanalmente.

O desenvolvimento dos bebês é monitorado por três anos.

Além de pesquisadores, o projeto conta com médicos, profissionais da saúde e principalmente de voluntários.

Todo o trabalho deve ser concluído em 2020 e será utilizado pelo Brasil e outros países do mundo para esclarecer todas as dúvidas que ainda existem sobre as doenças causadas pelo Aedes aegypti.

Autor

Ver todos os posts

Redação tudo.com.vc

Comentários

Anuncie Aqui

Mais Lidas

Assine nossa newsletter

Conteúdo direto para você

Faça parte da nossa lista de transmissão!

11 97066-9728

Cadastre o nosso número em seus contato, envie uma mensagem pra gente e receba as últimas notícias diretamente em seu celular.